quinta-feira, 1 de fevereiro de 2018

CONCURSO NACIONAL DE LEITURA 2018

CONCURSO NACIONAL DE LEITURA

De 15 a 25 de janeiro, decorreu mais uma edição do “Concurso Nacional de Leitura”. Neste ano e pela primeira vez, o concurso abrangeu, também, os alunos do 1º ciclo (4º ano), do 2º ciclo e do secundário, num número superior a 80 alunos.

À semelhança de anos anteriores, os alunos mostraram interesse e empenho e não defraudaram as expectativas, quer dos professores envolvidos quer da própria organização. “Ler é crescer” e estes alunos mostraram-se gigantes em mestria e determinação!


No dia 25 de janeiro decorreu a última sessão. Depois de classificadas as provas, serão apurados os dois vencedores de cada ciclo que representarão o Agrupamento na fase regional.


Projeto "FILOSOFIA PARA CRIANÇAS" nas turmas do 1º ciclo

FILOSOFIA PARA CRIANÇAS

Sejamos livres para ser tudo o que queremos e tanto quanto podemos! 

E é sob esse lema que a BECRE fomenta e desenvolve actividades como as que iniciaram no passado dia 9 do corrente mês. As turmas do 1º C e do 3º B do Centro Escolar do Agrupamento de Escolas da Nazaré, receberam a visita da Professora de Filosofia, Sofia Fazendeiro, que na qualidade de agente facilitadora desenvolve neste agrupamento um projeto de Filosofia para Crianças, cujo objetivo pedagógico não é o de informar as crianças da existência dos filósofos, das suas ideias e obras, mas antes, contribuir para o desenvolvimento e compreensão da linguagem e das suas capacidades críticas e criativas, de modo a fomentar o pensamento autónomo.

Este projeto - novo no agrupamento - apresentado à BECRE, foi considerado pela sua equipa, de primordial importância, pois promove uma aprendizagem multifacetada com base no método reflexivo e dialógico e como tal conta com a sua parceria. Neste momento, estão já envolvidas cerca de duas dezenas de professores do 1º ciclo que aderiram ao que pretende ser um espaço de investigação e construção da actividade, do pensar e da criação de diálogos.

Com o contributo das professoras Orlanda Carreira e Carla Balbino, que fizeram a ponte entre a facilitadora e as crianças e na certeza que “a mente que se abre a uma nova ideia jamais voltará ao tamanho original”, pode dizer-se, pela receptividade dos petizes, que as sessões já realizadas com estas turmas, foram um sucesso.

Partindo das próprias vivências das crianças, da sua curiosidade e capacidade para se surpreenderem perante o desconhecido, os aprendizes de filósofos foram encorajados a falar e a ouvir-se, possibilitando a discussão de ideias e valores, desenvolvendo simultaneamente as capacidades de verbalização do pensamento e aspetos cruciais da construção da comunicação. E porque a brincar também se aprende… os meninos, o Philo e a Sofia fizeram FILOSOFIA!







terça-feira, 12 de dezembro de 2017

DIA MUNDIAL DA FILOSOFIA


FILOSOFIA – um presente com FUTURO

Este ano, o Dia Mundial da Filosofia celebrou-se a 16 novembro sob a égide do tema "O trabalho como ferramenta de transformação do ser humano e da sociedade" .
Implementado pela UNESCO em 2002, este dia comemora-se todos os anos na terceira quinta-feira do mês de novembro e é um convite à reflexão, ao questionamento, à partilha de pensamentos, à discussão aberta e à exploração de ideias.
Numa época de tantas conturbações sociais, urge a criação de espaços propícios ao debate. Atento à necessidade de redirecionar o olhar para os problemas fulcrais do homem como a realidade, a existência, o conhecimento, a razão e a linguagem, a Biblioteca Escolar da Escola Básica e Secundária Amadeu Gaudêncio aderiu ao projeto e disponibilizou, de imediato, o seu espaço para a divulgação junto da comunidade educativa dos trabalhos realizados no âmbito destas comemorações, que se revestiram de uma importância acrescida, visto tratar-se do primeiro ano em que esta instituição acolhe o Ensino Secundário.
O desafio foi lançado pela professora de Filosofia, Sofia Fazendeiro, e o feedback não poderia ter sido mais positivo. A biblioteca recebeu cerca de duas centenas de alunos cuja postura dignificou, em muito, o trabalho realizado e os agentes envolvidos, pelo que pode considerar-se que as expetativas dos agentes envolvidos foram amplamente superadas.
A exposição decorreu ao longo de todo o dia e dividiu-se em sete momentos distintos que foram explicados aos visitantes durante um mini tour. À entrada, alunos e professores podiam ver uma pequena mostra de livros de Filosofia. De seguida, eram interpelados para refletir sobre duas frases expostas - uma de Descartes e outra de Bertrand Russel - e podiam apreciar uma exposição subordinada ao tema “Filosofia com Identidade”.
O terceiro momento era dedicado à “Filosofia para Crianças”, projeto este que será levado a cabo durante todo o ano letivo e que conta já com a adesão de 18 turmas do 1º ciclo do Agrupamento.
De seguida, através da observação de um friso cronológico, foi explicada a passagem do mito ao logos e o nascimento da Filosofia.
No espaço destinado à pesquisa informática, os nossos ilustres visitantes puderam apreciar a “Árvore do Saber” e perceber as diferentes ramificações da mesma como áreas do conhecimento, bem como distinguir uma pergunta filosófica de uma pergunta não filosófica.
Por fim, miúdos e graúdos, escreveram uma frase no “Livro de Honra” da Filosofia e retiraram um pensamento do baú dos pensamentos filosóficos.
Não menos importante foi o lanche pleno de sabores diretamente vindos do Monte Olimpo.
Com estes trabalhos, visou-se desenvolver um quadro coerente e fundamentado de valores, bem como reconhecer o contributo específico da Filosofia para o desenvolvimento de um pensamento informado, metódico e crítico e para a formação de uma consciência atenta, sensível e eticamente responsável. Estreitamos laços, espantámo-nos, interrogámo-nos, criticamos e refletimos… Criámos memórias e fizemos História!
Pelas intervenções pertinentes dos pequenos aprendizes de Filosofia podemos depreender que a exposição não só os sensibilizou para a riqueza do diálogo e para o respeito pela diferença, como enalteceu a importância da Filosofia na vida do homem em sociedade e o verdadeiro amor ao saber.
Estiveram envolvidas na consecução deste projeto as turmas da escola que têm a disciplina, a saber: o 10º LHA e o 10º CTA e vários alunos dos 2º e 3º ciclos que pertencem ao clube dos amigos da biblioteca que, motivados pela equipa, abraçaram o desafio com audácia e determinação.
Sapere Aude! Ousem saber!



Professora Sofia Fazendeiro








FEIRA DO LIVRO - VALADO DOS FRADES





O Serviço de Biblioteca Escolar do Agrupamento de Escolas da Nazaré promoveu, de 4 a 7 de dezembro, a Feira do Livro na Biblioteca Escolar da EB de Valado dos Frades, numa parceria com a Livraria Arquivo.

Integrada no Plano Anual de Atividades e tendo como objectivo principal a promoção da leitura, a Feira do Livro 2017/2018 contou com a visita orientada de todas as turmas do 1º ciclo, dos pais e encarregados de educação, docentes e assistentes operacionais.

As turmas GNA e GNB assistiram, ainda, à leitura da história “O Cuquedo”, da autoria de Clara Cunha.